25 de jun. de 2009

A curiosa dispensa do " Masca Chiclete"

E agora, o que dizer do acontecido com aquele que é considerado o melhor técnico brasileiro?
Explicações esdrúxulas como essa, de que está desgastado perante o grupo, é uma saída simplesmente formal. Devido a isso, é que a dança dos técnicos se torna infinda.
Na verdade, são auto-suicidas no intuito de não revelar os verdadeiros fatos, e assim preservar a integridade daqueles que além de ganharem maiores salários, ainda saem da situação privilegiados. Coragem é o que falta a esses pretensos “comandantes” demissionários. Lamentavelmente, é assim que funciona o “sistema”.
Isto me faz crer que existe algo mais nos bastidores que não sabemos, apesar de inúmeras vezes ter vazado, ou melhor, haver suspeitas de conchavos entre jogadores e técnicos, quando não, até diretores envolvidos. E o mais estranho é que quase sempre o técnico é que dança. Não é curioso?
Abraços do Gigi

Nenhum comentário: