3 de jun. de 2009

Mancini...filho do piolho


Embora tenha saído como vencedor diante do Timão, o Santos mostrou-se acovardado perante um time que entrou em campo com todos os reservas. Se me lembro bem, o último jogo em que o Santos perdeu por 3x1, na Vila Belmiro para o time titular, teve uma atuação bastante superior, perdendo apenas por falhas individuais. Cometeu o mesmo erro da Copa Brasil, quando entrou em campo contra o CSA com um time misto, desnecessariamente, e agora contra o Corinthians repetiu a dose.

É necessário entender que para cada jogo existe uma receita própria. Portanto, se deixarmos de lado a velha superstição de que em time que esta ganhando não se mexe ou, como é comum entre os treinadores trocar seis por meia dúzia, estaremos perpetuando a tradicional “mandinga” no futebol. O acontecido nos faz pensar cada vez mais, que existe politicagem nos bastidores. Tem que jogar cicrano e beltrano, e estamos conversados.

E nós, incautos torcedores, temos que nos conformar, afinal, vencemos a partida. No entanto, para aquele grupo de torcedores excluídos da boa razão, o resultado não se mostrou convincente e acabaram apelando vergonhosamente.

Abraços do Gigi

Nenhum comentário: