15 de jul de 2009

E agora, o que falar ?

Atuação pra lá de medíocre foi a do Santos F.C., nesta tarde de “Domingos”.
Outro fato que ficou patente é o porquê que Fábio Costa deita e rola nos bastidores do clube. Falha é até perdoável, mas pixotada se torna a tônica da “Fera”, na pressão em busca de benefícios para si próprio.
Na verdade, há necessidade premente de se rever o plantel e buscar, além de tudo, um padrão de jogo. Com isso, aproveitam-se melhor os futuros talentos e compacta mais o grupo.
Sei que é fácil ditar regras e o quanto é difícil aplicá-las, mas controlar “climas” extra campo, acredito ser uma solução razoável para o controle e harmonia do plantel. Controle este, que se estenderia a todas as categorias de base no intuito de preservar o interesse do próprio clube.
Deveria sim, criar uma comissão com atuação específica, no que diz respeito aos interesses de preservação das chamadas “promessas” do futebol, no que entendemos por patrimônio, sem a interferência direta ou indireta de qualquer departamento ou mesmo da própria diretoria. Seria uma forma de isolar as tais “infiltrações”, que hoje tem muita influência nos bastidores do clube. Acho melhor eu parar, senão complico mais ainda.
Abraços do Gigi

4 de jul de 2009

Corinthians na vala comum


Pronto! Acabou-se o que era doce. É realmente um time complicado e estraga prazeres. E agora, o que faremos? A quem iremos gozar, daqui pra frente? E as milhares de pichações, piadas, gozações, vídeos, enfim, como abandonar um anedotário de tantos anos.
Será que eles têm consciência disso? Tanto fizeram que conseguiram chegar para disputar a tão almejada Libertadores, após os seus 98 anos de existência, pela terceira vez.
Pena que a Dercy Gonçalves, falecida recentemente, e apesar de ter visto quase tudo nos seus 103 anos, não tenha presenciado esta triste notícia: “O Corinthians na vala comum da elite do futebol mundial”.
Jamais pensei em ver isto nesta vida, mas vou ter que engolir e assistir a “massa” na Libertadores. E o que é mais triste de tudo é saber do que viverá, daqui em diante, o meu amigo Milton Neves. O que será do Cabeção que montou todo seu império à custa de suas gozações com os Gambás ?. Pobrezinho dele! Vai ter que arrumar outro “pato” para sobreviver.
Realmente foi uma brincadeira de mau gosto dessa nação corintiana. Alem do mais, perco as esperanças na busca do entendimento sobre a existência da “massa” através de toda a física.
Agora, o que nos resta é lamentar o acontecido e bola pra frente que atrás vem gente. Mas, no entanto, a esperança é a última que morre, portanto, por ora que se cuidem os BAMBIS.
Brincadeiras e ironias a parte, quero parabenizar o Timão pela conquista do tricampeonato. O Mano Menezes fez um belo trabalho demonstrando muita seriedade e capacidade junto aos jogadores, conseguindo superar o São Paulo F.C, time mais badalado até então.

Abraços do Gigi