4 de jul. de 2009

Corinthians na vala comum


Pronto! Acabou-se o que era doce. É realmente um time complicado e estraga prazeres. E agora, o que faremos? A quem iremos gozar, daqui pra frente? E as milhares de pichações, piadas, gozações, vídeos, enfim, como abandonar um anedotário de tantos anos.
Será que eles têm consciência disso? Tanto fizeram que conseguiram chegar para disputar a tão almejada Libertadores, após os seus 98 anos de existência, pela terceira vez.
Pena que a Dercy Gonçalves, falecida recentemente, e apesar de ter visto quase tudo nos seus 103 anos, não tenha presenciado esta triste notícia: “O Corinthians na vala comum da elite do futebol mundial”.
Jamais pensei em ver isto nesta vida, mas vou ter que engolir e assistir a “massa” na Libertadores. E o que é mais triste de tudo é saber do que viverá, daqui em diante, o meu amigo Milton Neves. O que será do Cabeção que montou todo seu império à custa de suas gozações com os Gambás ?. Pobrezinho dele! Vai ter que arrumar outro “pato” para sobreviver.
Realmente foi uma brincadeira de mau gosto dessa nação corintiana. Alem do mais, perco as esperanças na busca do entendimento sobre a existência da “massa” através de toda a física.
Agora, o que nos resta é lamentar o acontecido e bola pra frente que atrás vem gente. Mas, no entanto, a esperança é a última que morre, portanto, por ora que se cuidem os BAMBIS.
Brincadeiras e ironias a parte, quero parabenizar o Timão pela conquista do tricampeonato. O Mano Menezes fez um belo trabalho demonstrando muita seriedade e capacidade junto aos jogadores, conseguindo superar o São Paulo F.C, time mais badalado até então.

Abraços do Gigi

Um comentário:

Anônimo disse...

Adorei a matéria, mas um dia isso teria que acontecer, afinal é uma "massa" com o mesmo pensamento. E se os desejos são levados pelos ventos, por mais que os próprios ventos não quisessem que chegassem ao destino, dessa vez sopraram para o lado certo? Só tempo dirá. Beijos Cris